5 livros escritos por mulheres para você ler.

Neste 08 de março, Dia Internacional da Mulher, não é só um dia de comemoração por tudo o que as mulheres conquistaram, mas é também um dia de reflexão, um dia para pensarmos todos os papéis sociais ainda impostos às mulheres, bem como estas ainda estão à margem da literatura por muitos críticos.

Em nossa biblioteca temos vários livros escritos por mulheres, desde literatura infantil à adulta. Passando desde os tidos como “marginais”, os contemporâneos e os grandes clássicos. Para isso, criamos uma pequena lista com 10 escritoras que vocês devem ler.

 

1. Kiusam de Oliveira

kiusam

Doutora em Educação, Mestre em Psicologia, especialista em temáticas étnico-raciais, contadora de histórias e professora de danças afro-brasileiras, esta é uma escritora que dá gosto em pegar os seus livros e sentar para dar uma lida, ou mesmo contar em voz alta.

O livro que indicamos é “O mundo no black power de Tayó”

imagem_release_569725

2. Jarid Arraes

Jarid-Arraes-1024x683

Nascida em Juazeiro do Norte, na região do Cariri (CE), em 12 de Fevereiro de 1991, Jarid Arraes é escritora, cordelista e autora dos livros “As Lendas de Dandara” e “Heroínas Negras Brasileiras”. Atualmente vive em São Paulo (SP), onde criou o Clube da Escrita Para Mulheres. Até o momento, tem mais de 60 títulos publicados em Literatura de Cordel, incluindo a coleção Heroínas Negras na História do Brasil.

O livro que indicamos é “As lendas de Dandara”
46440238

3. Hilda Hilst

hilda-hilst-22

Hilda Hilst foi uma poeta, ficcionista, cronista e dramaturga brasileira. É considerada pela crítica especializada como uma das maiores escritoras em língua portuguesa do século XX.

O livro que indicamos é “O caderno rosa de Lory Lamb”

download

4. Marina Colasanti

marina-colasanti-muitoparana-800x400

É uma escritora e jornalista ítalo-brasileira nascida na então colônia italiana da Eritreia. Publicou mais de 50 livros sendo contos, poesia, prosa, literatura infantil e juvenil. Foi ganhadora do Prêmio Jabuti em 2010, pelo livro Passageira em trânsito. Foi também indicada ao prêmio Hans Christian Andersen, considerado o “Nobel” da literatura infantil.

O livro que indicamos é “Mais de 100 histórias maravilhosas”

51AgOArl44L._SX344_BO1,204,203,200_

5. Ana Maria Gonçalves

3

Trabalhou como publicitária em São Paulo, mas abandonou a profissão em 2002 para morar em Itaparica e escrever seu primeiro livro, Ao lado e à margem do que sentes por mim. Mais tarde, fixou residência em Nova Orleans.

Seu segundo romance, Um defeito de cor, de 2006, conquistou o Prêmio Casa de las Américas na categoria literatura brasileira. A obra, inspirada na vida de Luísa Mahin, conta a trajetória de uma menina nascida no Reino do Daomé e capturada como escrava aos 8 anos de idade, até a sua volta à terra natal como mulher livre.

O livro que indicamos é “Um defeito de cor”

download (1)

Esperamos que essas indicações façam vocês se maravilharem e adentrarem nas histórias dessas grandes escritoras brasileiras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>